Empregados da Embrapa aceitam proposta de acordo da Vice-Presidência do TST

Os empregados da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) aprovaram proposta de acordo coletivo de trabalho feita pelo vice-presidente do Tribunal Superior do Trabalho, ministro Renato de Lacerda Paiva, em procedimento de mediação e conciliação pré-processual. O Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário (Sinpaf) comunicou o resultado das assembleias em que a categoria aceitou as cláusulas econômicas e sociais para o período de 1º/5/2018 a 30/4/2020.

A empresa tem até segunda-feira (13) para responder se aceita a proposta. Caso também a aprove, o acordo será assinado no TST em data a ser definida. O ministro sugere reajustes salariais, pagamento de abono e a manutenção de cláusulas sociais (leia aqui a íntegra da proposta).

Processo: PMPP-1000015-63.2019.5.00.0000

Compartilhe nas Redes Sociais

Deixe uma resposta