Advogado é assassinado em frente à Câmara de Vereadores

O advogado e procurador da Câmara municipal de Cacoal Sidnei Sotele, foi assassinado em frente a de Legislativo Municipal no início da tarde desta terça-feira. De acordo com informações, Sidnei estava no cargo havia apenas uma semana.

A polícia ainda não tem pistas dos assassinos e nem o motivo da execução, que pode estar relacionada a morte do ex-prefeito de Ministro Andreazza, Neuri Persch, no ano de 2017, de quem Sotele era próximo.

O advogado, que trabalhou nas prefeituras de Ministro Andreazza e Cacoal e agora estava como procurador na Câmara Municipal de Cacoal, também se envolveu numa guerra política nas redes sociais nos últimos dias com o residente do DER de Cacoal, Alex Brasilino Reis – divulgou um áudio de Soteli -, que foi amplamente compartilhado na internet.

Soteli morreu antes da chegada da equipe de socorro. Outra pessoa identificada por enquanto apenas por Gedeão também foi atingida por tiros e socorrida ao hospital. O carro usado no homicídio foi abandonado e incendiado Avenida Porto Velho com Castro Alves.

Sidney Soteli foi preso pela Polícia Federal no dia 10 de abril na Operação Feudo, que teve por  objetivo desarticular organização criminosa que desviava recursos públicos a partir de fraude em processo licitatório envolvendo recursos direcionados à obra de saneamento básico no município de Ministro Andreazza (RO).

Fonte: www.diariodaamazonia.com.br

Compartilhe nas Redes Sociais

Deixe uma resposta